Corrida na Arábia Saudita praticamente fechada

var addthis_product = 'jlp-1.2';

var addthis_config =

{pubid:'ra-4e6d7fa231d0adc2', ui_hover_direction:0, data_track_clickback:true, ui_language:'en', ui_use_css:true}

GP da Arábia Saudita

A Arábia Saudita deve se tornar um cenário de Formula talvez já no próximo ano, com o polêmico e riquíssimo Reino gastando mais de USD 60 milhões pelo privilégio.

De acordo com um relatos da imprensa inglesa, um evento provisório poderia ser realizado em 2021 nas ruas de Jeddah, enquanto uma pista permanente será construída para 2022.

A primeira corrida de F1 da Arábia Saudita aconteceria no início da temporada, a fim de evitar as temperaturas escaldantes que castigam o país no final da primavera e no verão.

O Daily Mail afirma que a Liberty Media, proprietária de direitos comerciais da F1, “fechou um acordo de patrocínio global” com a gigante de petróleo e gás natural saudita Aramco.

Rumores da candidatura da Arábia Saudita a um lugar no calendário da F1 surgiram no ano passado, com relatos sugerindo que o Reino estava ansioso por sediar um Grand Prix como parte de seu plano Vision 2030, um programa estratégico social, econômico e cultural liderado pelo príncipe herdeiro Mohammed bin Salman, que ambiciona diversificar as fontes de receita do reino banhado em petróleo e promover o turismo internacional.

No entanto, por mais atraente e lucrativo que um acordo com a Arábia Saudita possa ser para a Formula 1, é provável que gere controvérsia entre o público e os fãs do esporte, dado o péssimo histórico de direitos humanos – especialmente das mulheres – do país ultra-conservador e as deficiências das reformas de bin Salman.

Uma corrida na Arábia Saudita proporcionaria à região um terceiro evento, com o esporte já marcando presença no Bahrain e Abu Dhabi.

Um porta-voz do Circuito Internacional do Bahrain recebeu as notícias de uma possível corrida no Reino vizinho.

“Desde nossa primeira corrida em 2004, nosso objetivo tem sido aumentar a base de fãs do automobilismo na região”, disse ele.

“Portanto, gostaríamos de receber iniciativas que possam apoiar esse crescimento e acreditamos que uma corrida futura na Arábia Saudita seria complementar”.

Finalmente, o relatório do Daily Mail também afirma que a Liberty está perto de fechar um acordo com Miami, com a Liberty Media e o promotor do evento agora aparentemente confiantes em superar uma oposição local a um projeto centrado no Hard Rock Stadium em Miami Gardens.

Proposta de pista em Miami

Como a Arábia Saudita, uma corrida na cidade mega-turística da Flórida também pode ocorrer em 2021, potencialmente aumentando o calendário do esporte para um recorde de 24 eventos!

Clique AQUI para fazer suas apostas esportivas

AS – www.autoracing.com.br

Tags
Arábia Saudita F1, Aramco F1, comentarios f1, Comente sobre formula 1, f1 2020, F1 Miami Hard Rock Stadium, Jeddah F1, melhor site f1, Mohammed bin Salman F1

ATENÇÃO: Comentários com textos ininteligíveis ou que faltem com respeito ao usuário não serão aprovados pelo moderador.

Fonte: Motor Sport

Últimas Notícias

Irmãos Bryan se emocionam em despedida da Austrália

Melbourne (Austrália) - A segunda-feira foi de despedida para os irmãos norte-americanos Bob e Mike Bryan, que atuaram pela última vez no Australian Open....

Pavlyuchenkova faz 71 winners e elimina Kerber

Melbourne (Austrália) - Mais uma vez a russa Anastasia Pavlyuchenkova derrubou uma ex-líder do ranking nesta edição do Australian Open. Apenas dois dias depois...

Mais Notícias

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui